Conteúdos e descontos grátis para os apaixonados por bebês.

Entre ou

Conteúdos e descontos grátis para os apaixonados por bebês.

Sobre nós | Siga-nos:

TODAS CATEGORIAS

25/02/2019

Seu filho tem “ataques de birra”?

Psicologia

Seu filho tem “ataques de birra”?

Sabe quando a criança grita, chora, se joga no chão, esperneia? Isso costuma ser chamado de “ataques de birra”. Em geral, acontece em momentos em que as crianças querem muito alguma coisa e não sabem como se expressar de outra forma. Então, frente a um “Não!” vindo dos pais, elas acabam utilizando os “ataques de birra”, testando os limites dos pais a fim de conseguir o que querem. No entanto, nem sempre cabe ceder aos pedidos e desejos dos filhos.
 
Há muitos momentos em que é necessário fazer uso do “Não!” e é saudável que isso aconteça. Isso impõe alguns limites e ensina que não se pode ter tudo. É importante ensinar a tolerar a frustração, saber esperar, ensinar a noção do tempo, aprender a perder e a dividir.
 
Tratam-se de aprendizados que devemos ensinar desde muito cedo já que faz parte da realidade da vida. Mas e como lidar com esses momentos de “birra”? Infelizmente não existe uma fórmula mágica e infalível. Cada família vai ter que encontrar o seu jeito de lidar com essa situação. Mas, você não deve se assustar diante dessas atitudes da criança e recuar. 
 
Se você tomou uma decisão que acredita que é a mais correta naquele momento, continue firme nela. Você não precisa ceder a todos os pedidos de seu filho e dar tudo o que ele quer. Exerça sua autoridade, fale com seriedade, mas não seja agressivo. Procure acalmá-lo, e depois que isso acontecer, converse com ele sobre o que aconteceu.
 
Explique a ele que você entendeu a frustração dele, e ajude-o a colocar os sentimentos em palavras, dizendo algo como: "Você estava muito bravo porque você queria ganhar aquele brinquedo". Dessa forma, você ensina que, se ele usar as palavras para se expressar, ao invés da “birra”, ele vai conseguir resultados melhores numa nova situação. Você também pode dizer, por exemplo: “Agora que você não está mais gritando eu consigo te entender melhor". Portanto, não deixe de escutar o que seu filho tem a dizer.
 
Faça isso abaixando até a altura dele. Ouça os argumentos dele com atenção e respeito,  tente ser flexível e compreender o lado dele. Isso ajuda a construir uma relação de confiança entre pais e filhos e fortalece a comunicação. Mas lembre-se sempre que a posição final é sua, pois trata-se de uma tarefa que é da sua competência materna/paterna.
 
E enquanto você lê esse texto, você deve estar pensando que isso não é uma tarefa fácil. E não é mesmo! Requer esforço, dedicação, paciência, consistência, pois é um investimento diário.
 
Afinal, cuidar e educar pode ser muito trabalhoso, implica grande responsabilidade e nem sempre é agradável. Contudo, é necessário. Trata-se de uma tarefa que não deve ser terceirizada e demandada para a escola ou outros membros da família, ainda que eles possam lhe dar suporte. Se você acha que precisa de ajuda para lidar com esse ou outro tipo de situação com seu filho, procure a ajuda de um psicólogo.
 

Baixe o App do Baby Check-in e saiba mais:

http://onelink.to/ydy7cb

 

 

Outros artigos sobre bebês:

Veja aqui nosso artigo sobre o brincar livre

Como lidar com a birra infantil na hora da comida

Devemos brincar o tempo inteiro com as crianças

 

 
Você já conhece o Clube Gratuito Eu Amo Meu Bebê?

O Eu Amo Meu Bebê é o primeiro  clube de vantagens  voltado para  gestantes  e  mães recentes  que reúne descontos e promoções exclusivas de diversas empresas em produtos e serviços para o período de gestação e para bebês, além de trazer conteúdos sobre maternidade, gestação, saúde e bem-estar. Acesse agora!

Psicóloga (CRP 07/18079), graduada pela PUCRS. É especialista em Saúde da Criança e do Adolescente (RIMS/HCPA) e especialista em Psicologia Hospitalar (HMV e HCPA).

Você já conhece o Clube Gratuito Eu Amo Meu Bebê?

O eu amo meu bebê é o primeiro clube de vantagens voltado para gestantes e mães recentes que reúne descontos em promoções e serviços para o período de gestação e para bebês, além de trazer conteúdos sobre maternidade, gestação, saúde e bem-estar. Acesse agora e veja os descontos especiais para gestantes e mamães na lista do chá de bebê.